Cardio em Jejum – Todas as dúvidas!

Top-morning-cardio-benefits

Quem me segue no Instagram ou no Snapchat, já percebeu que, ultimamente, faço regularmente cardio em jejum. Estou em fase de secagem, ou seja, perda de gordura (secar a barriguinha, ficar com os músculos mais visíveis) e estou a ser acompanhada pela equipa da “Scoop by Scoop” – podem aceder aqui. É um acompanhamento online, em que a Tatiana me prescreve uma dieta específica e um plano de treinos – já falei da minha experiência passada aqui.

Neste novo plano está incluído cardio em jejum – 30min de caminhada pesada ou corrida leve. Muitos pensam que 30 min não é nada ou que andar é para velhotes 😛 Bom, não é passear aqui…é caminhar muito rápido. Pode ser bicicleta, elíptica, o que quiserem, o importante é ser de baixa intensidade. E, claro, que tenham uma alimentação limpa e treinem no ginásio também, sem isso nada resulta.. Vou, então, responder às questões que mais frequentemente me fazem:

Qual o objectivo do cardio em jejum?

A resposta é: perder gordura. Em jejum, as nossas reservas de glicogénio estão em baixo e o corpo é “obrigado” a queimar gordura durante o cardio. Ou seja, a fonte energética preferida do nosso corpo são os hidratos de carbono; mas, em jejum, o corpo tem de recorrer a outras fontes, nomeadamente, a gordura armazenada. 

Qual a intensidade ideal e o tempo necessário?

Em relação à duração, bastam 25 a 35 min diariamente. O ideal será manter uma intensidade baixa, para evitar perder massa muscular. Se, no entanto, necessitar de emagrecer bastante antes de iniciar treinos de musculação, poderá fazer um cardio mais longo (no máximo 45 min).

Devo tomar algo antes de iniciar o cardio em jejum?

Sim, deve hidratar-se bem, tomando um copo cheio de água assim que acordar. Uma forma de optimizar a perda de gordura é, ainda, bebendo um café 15 min antes. Para quem pratica musculação, tomar 5g de BCAA antes minimiza o risco de perda de massa muscular.

O jejum deve ser de pouco mais de 8h, portanto aconselho a fazer uma ceia no dia anterior, baixa em hidratos, como por exemplo, proteína whey com amêndoas, abacate ou nozes.

IMG_7816

Se tiverem mais dúvidas, estarei aqui para tentar responder!

Bons treinos,

Anita

 

Atenção: não sou médica nem formada em desporto, se tem problemas de glicémia baixa pela manhã ou qualquer outra patologia, consulte o seu médico antes de iniciar qualquer programa deste género. 

 

6 Comments

  1. Elisabete Freitas

    Olá Anita!!!
    Sou tua seguidora à pouco tempo mas temos o mesmo objetivo em comum,tonificar!!!!☺ desde Abril de 2015,comecei uma batalha em que perdi 14kg, e onde passei de 33% MG para o atual de 58kg e 16,8 MG!!!!! Não é fácil, mas quero mais quero fefenir o meu abdominal e tonificar, mas agora não está fácil😡 podes dar-me a tua opinião por favor? Obrigada, beijo!!!!

  2. Daniela

    Bom dia, quando vc faz esteira a que velocidade é o Cardio em Jejum?

    Beijos

  3. Olá Anita 🙂
    uma dúvida, depois do cardio o que comes?
    beijinhos

  4. Francisca Oliveira

    Olá! Gosto muito do blog, das receitas e das dicas, Parabéns! Tenho sempre dúvidas quanto ao que comer e quanto tempo depois posso comer após o cardio em jejum. O meu objectivo é perder massa gorda sem perder massa muscular. Se me pudesse dar opinião quanto a isso 🙂
    Obrigada!

Leave a Comment

O seu endereço de email não será publicado.