Como perder gordura abdominal?

inline_618x306_lose_belly_fat

Um dos maiores desejos, principalmente das mulheres, é perder aquela gordurinha da barriga que teima em não desaparecer. Muitas se queixam por terem efectivamente perdido peso mas não conseguirem ter um abdominal liso. Bom, é preciso diferenciar bem que perder peso nem sempre é sinónimo de perder toda a gordura instalada na barriga. Para perder gordura é preciso não só ter uma dieta alimentar limpa, como também incluir exercício físico na sua rotina. Em relação à dieta é preciso ter em consideração que esta não deve ser muito restrita, mas sim equilibrada! Em baixo vou listar o que considero ser o mais importante quando se trata de perder gordura abdominal:

Alimentação:

A alimentação é a base de qualquer sucesso para ter uma barriga lisa. Não basta deixar de comer doces e fritos, mas é essencial ter em conta os seguintes aspectos:

  • O pequeno-almoço é a principal refeição do dia, deve ser consumido cerca de meia hora depois de acordar. Deve conter uma porção de proteína (ovos, fiambre de aves, carnes brancas), uma porção de hidratos de carbono (pão de cereais, fruta, aveia) e uma pequena porção de gordura saudável (sementes, frutos secos, queijo magro). Se não consegue passar sem leite ou iogurte, basta reduzir a porção de hidratos de carbono ou substituir pelo queijo, por exemplo.
  • Deve comer-se de 3h em 3h, nunca esquecendo os snacks da manhã e da tarde, de forma a não manter o corpo muito tempo sem alimento. Para os snacks aconselho uma peça de fruta ou um batido proteico com frutos secos, tortitas de arroz com queijo fresco magro, cenouras com dip de atum ou outro. O importante é incluir sempre uma porção de proteína e de hidratos, principalmente se vão treinar de seguida.
  • Optar sempre por alimentos não processados – isto implica deixar de lado os empacotados, as bolachas, os bolos, as barras de cereais muito doces e até mesmo as que se dizem integrais. As tortitas de arroz integrais e algumas bolachas integrais com pouca gordura podem ser consumidas. Uma boa alternativa é confeccionar panquecas proteicas à base de aveia e claras de ovo.
  • Ter atenção às porções de arroz/massa/batata, mas não ignorar estes hidratos, principalmente durante o dia. Excluir os hidratos de carbono da dieta é um erro que muita gente comete, mas que compromete a perda de gordura, além de influenciar a produção de glicose que é super importante para lidar com a rotina do dia-a-dia. À noite, se não tiverem treinado antes, podem excluir estes alimentos e substituir por uma boa porção de legumes, caso contrário poderão por exemplo reduzi-los ao almoço e compensar ao jantar com 3 ou 4 colheres de arroz ou massa integrais.
  • Por último, mas algo que considero super importante, nunca passem fome! A fome é um sinal de que o corpo precisa ser alimentado para funcionar naturalmente. Além disso, durante a digestão é quando queimamos a maior parte das calorias, por isso um estômago demasiado vazio terá exactamente o efeito contrário – o metabolismo abranda. Com isto é importante distinguir a fome da gula, e optar sempre por alternativas saudáveis, como uma porção de frutos secos ou uma fatia de queijo magro.

Exercício Físico:

  • Para perder gordura, é importante praticar exercício, incluindo musculação. Muitas pessoas concentram-se apenas em fazer exercícios cardiovasculares, como corrida, cycle, etc, por acharem que gastam imensas calorias e assim se perde gordura. Mas não é bem assim… De facto, queima-se calorias, mas não necessariamente só gordura. No entanto, se além de cardio houver um treino de resistência, o metabolismo tende a acelerar e a queimar mais gordura. E sem medos, porque fazer musculação 2 ou 3 vezes por semana não vai aumentar volume nas meninas 🙂 O importante é sentir que se está a trabalhar bem e numa primeira fase preferir mais repetições com menos peso.
  • Treinos de alta intensidade também são aconselhados. Circuitos, sprints, misturar cardio com musculação ou mesmo reduzir o tempo de descanso entre séries, são óptimas formas de acelerar a queima de gordura.
  • Treinar 3 ou 4 vezes na semana seria o ideal. Treino aliado a uma boa alimentação trará os resultados pretendidos! Se quiserem mais alguma dica sobre o assunto, enviem mensagem.

Xoxo,

Anita

One Comment

  1. Muito boas essas dicas. Não emagrece quem tem preguiça rs

Leave a Comment

O seu endereço de email não será publicado.