Fome emocional – Dicas para controlar

Estilo de Vida 0 comments

Porque comemos sem termos fome? O que é a Fome emocional? Como podemos ultrapassar? Neste artigo vou ajudar a responder a estas questões.

Fome emocional

Como muitos de vocês já sabem, este mês certifiquei-me como Health & Nutrition Coach! Há cerca de 1 ano e meio decidi que este era o meu caminho e comecei o meu curso na Well College Global para estudar Health Coaching.

Foi a melhor decisão que fiz para a minha vida profissional (e pessoal) e estou super feliz por vos poder ajudar ainda mais no vosso caminho, nos vossos objetivos, a tornarem-se mais saudáveis e mais felizes!

Hoje vou então falar de um tema bastante importante e que me pediram para abordar: a Fome Emocional. Vou explicar-vos o que é e como podem ultrapassar. A Fome emocional pode ser a razão pela qual não perdem peso ou não se sentem bem e com energia.

O que é a Fome Emocional?

É basicamente um impulso de comer que não conseguimos controlar. Ou seja, é quando sentimos a necessidade de ingerir comida para sentirmos algum conforto e prazer. Normalmente a fome emocional está relacionada com a ingestão de comidas açucaradas ou mais gordurosas, relacionada com a libertação de dopamina para sentirmos felicidade e prazer.

Porque temos Fome Emocional?

Porque encontramos na comida uma forma de aliviar a nossa dor. Está muito ligada às emoções e ao stress, é uma forma que o nosso corpo encontra da tal libertação de dopamina e de nos trazer algum alívio. Só que este é um alívio temporário e poderá gerar um vício difícil de controlar. Desta forma, vou dar-vos várias dicas para combater a fome emocional!

Identifique a causa da fome emocional

Entenda qual a emoção que o faz encontrar na comida um conforto. Está com muito stress no seu trabalho, está a passar por uma fase complicada na sua vida pessoal, está triste, está desmotivado? Escreva num papel o que sente e as suas emoções negativas. O primeiro passo é tomar consciência das razões da sua fome emocional.

Organize a sua despensa e frigorífico com alimentos saudáveis

Ao ter à mão alimentos mais saudáveis e nutritivos, acaba por ter uma alimentação mais equilibras que leva a uma maior sensação de saciedade. É muito importante que o seu corpo tenha todas as vitaminas e minerais essenciais para que não haja desequilíbrios que, por sua vez, possa desencadear maior desejo por comida.

Encontre outras atividade de prazer

Falei da libertação de dopamina associada ao prazer e felicidade. Ao fazer actividades que lhe dão alegria e prazer não vai precisar de ingerir comida para tal. Escreva num papel as actividades que mais gosta: pode ser pintar, costurar, caminhar, correr, etc. Encontre algo que lhe substitua o prazer pela comida.

Pratique exercício físico

Sabia que fazer exercício física liberta as hormonas da felicidade? Por isso inscreva-se num ginásio ou caminhe todos os dias nem que sejam apenas 30 minutos. Desta forma, acaba por estar distraído com outras atividades e, ao mesmo tempo, sente-se mais saudável e com maior bem-estar.

Procure ajuda de um profissional

Se não consegue lidar com a sua fome emocional procure ajuda de um profissional. Como Health Coach estou disponível para o ajudar a ultrapassar este problema para que se sinta mais equilibrado e feliz. Basta enviar um email para contact@anitahealthy.com e agendar uma sessão.

Atenção: é normal que, em certas ocasiões, tendemos a comer sem termos fome, como num casamento ou numa festa entre amigos ou mesmo num almoço de família. E está tudo bem! A fome emocional é um problema quando é constante e quando esconde emoções negativas que precisam ser ultrapassadas. Poderá também estar relacionada com compulsão alimentar e nesse caso sugiro que procure um especialista.

Leave a Comment

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.